banner_fornecedores

Indústria de material de construção tem fevereiro regular, apura Abramat
A Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) acaba de divulgar a nova edição do Termômetro da Indústria de Mate... Leia mais.

Mortes por choques elétricos aumentam 12% no Brasil, apura Abracopel
Choques elétricos são verdadeiros riscos e o que muitas pessoas não sabem é que eles podem levar à morte. De acordo com Anuário Estatístico ... Leia mais.

Covid-19 causa impacto expressivo na confiança do consumidor em março
O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas (FGV) caiu 7,6 pontos em março, para 80,2 pontos, o menor valor desde j... Leia mais.


Usuário:
Senha:


Empréstimo imobiliário atinge R$ 9,7 bilhões no mês de maio


Em maio de 2014, o volume de empréstimos para aquisição e construção de imóveis somou R$ 9,7 bilhões, aumento de 6% em relação a abril e segundo melhor resultado para um mês de maio nos últimos 20 anos - em maio de 2013, o total financiado alcançou R$ 9,8 bilhões.

Nos primeiros cinco meses do ano, foram financiados R$ 44,1 bilhões para aquisição e construção de imóveis, 15% mais do que no mesmo período do ano passado.

No período acumulado de 12 meses, encerrado em maio de 2014, o volume de empréstimos para aquisição e construção de imóveis, com recursos das cadernetas de poupança do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), alcançou o montante de R$ 114,8 bilhões, superior em 25% ao apurado nos 12 meses precedentes.

Foram financiadas, em maio, a aquisição e a construção de 46,1 mil imóveis, elevação de 6% comparativamente a abril. Na comparação com maio de 2013, registrou-se um decréscimo de 3%.

Entre janeiro e maio deste ano, foram financiados mais de 213,7 mil imóveis, número 11,5% maior do que em igual período de 2013.

Nos 12 meses compreendidos entre junho de 2013 e maio de 2014, foram financiados 551,9 mil imóveis, 17% mais do que as 472,2 mil unidades contratadas nos 12 meses precedentes.

Em contraste com os dados de abril, as cadernetas de poupança do SBPE apresentaram, em maio, captação líquida positiva de R$ 2,2 bilhões. Nos primeiros cinco meses do ano, a captação líquida alcançou R$ 5,8 bilhões.

O saldo dos depósitos de poupança no SBPE superou os R$ 485 bilhões no mês passado, registrando elevação de 18% em relação ao saldo de maio de 2013.

Da Redação, original Monitor Mercantil.