banner_fornecedores

Atividade industrial paulista mostra reação em maio, aponta Fiesp e Ciesp
A indústria paulista de transformação mostrou reação positiva em maio, após dois meses de quedas generalizadas em março e abril. O Levantame... Leia mais.

Confiança empresarial recupera 61% das perdas do bimestre março-abril
O Indicador de Incerteza da Economia (IIE-Br) da Fundação Getulio Vargas (FGV) caiu 16,7 pontos em junho, para 173,6 pontos. Com a segunda q... Leia mais.

Estudo da Juntos Somos Mais mostra a expectativa dos varejistas no pós-crise
Pesquisa realizada pela Juntos Somos Mais, ecossistema do varejo da construção civil, que contempla mais de 75 mil varejistas e mais de 20 e... Leia mais.


Usuário:
Senha:


Indústrias de materiais de construção estão menos pessimistas para agosto, diz Abramat


As perspectivas da indústria de materiais de construção em relação às vendas em agosto melhoraram em relação ao mês anterior, de acordo com o termômetro divulgado nesta semana pela Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). A pesquisa revela que 39% dos entrevistados esperam que o desempenho de vendas no próximo mês seja ruim ou muito ruim. Em julho, essa era a previsão de 55% das indústrias.
 
A parcela do mercado que espera desempenho muito ruim representa 10%, enquanto 29% preveem performance ruim. Outros 6,0% estão otimistas para agosto, com previsão igual a registrada em junho para boas vendas; e 55% esperam desempenho regular, contra 35% no mês passado.
A sondagem indica ainda que 100% das empresas pesquisadas estão pessimistas quanto às ações do governo para o setor da construção civil nos próximos 12 meses. Além disso, apenas 48% das indústrias informaram que pretendem fazer investimentos nos 12 meses seguintes.
No início de agosto, a Abramat deve divulgar nova projeção de vendas para 2015. A estimativa atual é de que os negócios recuem 2% no ano.