banner_fornecedores

Atividade industrial paulista mostra reação em maio, aponta Fiesp e Ciesp
A indústria paulista de transformação mostrou reação positiva em maio, após dois meses de quedas generalizadas em março e abril. O Levantame... Leia mais.

Confiança empresarial recupera 61% das perdas do bimestre março-abril
O Indicador de Incerteza da Economia (IIE-Br) da Fundação Getulio Vargas (FGV) caiu 16,7 pontos em junho, para 173,6 pontos. Com a segunda q... Leia mais.

Estudo da Juntos Somos Mais mostra a expectativa dos varejistas no pós-crise
Pesquisa realizada pela Juntos Somos Mais, ecossistema do varejo da construção civil, que contempla mais de 75 mil varejistas e mais de 20 e... Leia mais.


Usuário:
Senha:


FGV: Confiança da construção civil é a mais alta desde 2014



O Índice de Confiança da Construção, publicado pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), subiu 0,8 ponto percentual em dezembro deste ano, ao totalizar 85,pontos no período, atingindo maior patamar desde dezembro de 2014.

Conforme Ana Maria Castelo, coordenadora de projetos da FGV, “a percepção empresarial dominante foi de melhora no ambiente de negócios da construção ao longo de 2018”. Contudo, a expectativa de incremento no PIB (Produto Interno Bruto) do setor deve ocorrer somente no próximo ano.


Além do índice da construção, o Índice de Expectativas (IE-CST) subiu 80 pontos-base neste mês, para 96,6 pontos – patamar mais alto desde fevereiro de 2014. O indicador mede a demanda prevista para os próximos três meses.

Por fim, o Índice da Situação Atual relatou variação positiva de 0,6 ponto percentual, para 74,7 pontos – atingindo o maior patamar desde abril de 2015.

Fonte: Money Times