banner_fornecedores

Indústria de material de construção tem fevereiro regular, apura Abramat
A Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) acaba de divulgar a nova edição do Termômetro da Indústria de Mate... Leia mais.

Mortes por choques elétricos aumentam 12% no Brasil, apura Abracopel
Choques elétricos são verdadeiros riscos e o que muitas pessoas não sabem é que eles podem levar à morte. De acordo com Anuário Estatístico ... Leia mais.

Covid-19 causa impacto expressivo na confiança do consumidor em março
O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas (FGV) caiu 7,6 pontos em março, para 80,2 pontos, o menor valor desde j... Leia mais.


Usuário:
Senha:


Empregos formais no setor da construção crescem 0,56% em fevereiro


De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, o setor da construção registrou no mês de fevereiro saldo positivo de 11.097 trabalhadores formais, alta de 0,56% em relação ao mês anterior. Desde 2014, não era registrado saldo positivo do setor para o mês de fevereiro. No acumulado de 12 meses, o saldo é de 29.396 postos de trabalho.

O levantamento aponta que foram observadas 116.254 admissões e 105.157 desligamentos no setor em fevereiro. As classes com os maiores índices foram: construção de edifícios (5.894 postos), instalações elétricas (1.621 postos) e obras de urbanização (1.050 postos).

Segundo o economista da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Luís Fernando Melo Mendes, o resultado foi positivo no setor frente ao mesmo período de 2018, quando o saldo foi negativo (-3.607 postos de trabalho), mas poderia ser melhor. “Já há uma recuperação, mas ela ainda é fraca diante das perdas de vagas observadas nos últimos anos”, destaca.